Resultados 1 a 6 de 6
  1. #1
    Nível 56: Tenho uma moto Avatar de Patycruz
    Desde
    Jan 2016
    Localização
    Osasco - SP
    Posts
    1.688

    Dilma quer barrar limites para internet de alta velocidade

    O pacote de bondades que a presidente Dilma Rousseff pretende apresentar à população antes da votação de abertura do impeachment pelo Senado, no dia 11 de maio, inclui o possível fim das franquias de internet.

    A Folha apurou que Dilma quer pronto, na próxima semana, o decreto que regulamentará os pontos mais polêmicos do Marco Civil da Internet, legislação aprovada em abril de 2014 que a presidente transformou em "obra" de governo.

    A lei está em vigor, mas ainda falta definir as regras da neutralidade de rede, princípio que impede a discriminação de tráfego aos consumidores, independente do tipo de plano que ele assina.

    Ainda segundo apurou a reportagem, a ideia da presidente é, via decreto, proibir as operadoras de restringirem velocidade da internet fixa ou exigirem a contratação de uma franquia extra quando o cliente ultrapassar os limites de seu plano.

    Na internet móvel, a proposta inicial do governo era estabelecer a mesma restrição do serviço fixo, mas, como são redes diferentes, a regra só não valeria para os planos básicos, que contemplam os clientes sensíveis ao preço. Para os demais, as teles poderiam continuar reduzindo a qualidade do acesso.



    CONTROVÉRSIA

    Nas últimas semanas, algumas operadoras disseram que iriam limitar a navegação dos planos de internet fixa e exigiriam a contratação de franquias extras para restabelecer a conexão.

    O presidente da Anatel, João Rezende, foi a público dizer que acabou a era da internet ilimitada sem custo. Houve reação popular, a agência voltou atrás, e as teles também recuaram.

    O assunto está congelado, enquanto a Casa Civil e representantes dos ministérios da Justiça e das Comunicações e da Anatel (Agência Nacional de Telecomunicações) discutem os termos do decreto.

    Ainda segundo apurou a reportagem, a presidente quer apresentar seu pacote nas festas de 1º de maio.

    Outro ponto polêmico é a possível transferência do poder de fiscalização da internet da Anatel para o Nic.br, responsável pelos registros de internet.

    Até o fechamento desta edição, os integrantes do grupo ainda debatiam as medidas. O Ministério da Fazenda, que não tinha sido chamado, entrou no debate.

    No grupo, há quem diga que nada mudará e Dilma regulamentará o marco da forma como estava prevista.

    HISTÓRICO

    Para as teles, o Marco Civil da Internet prevê a liberdade do modelo de negócio –o que inclui a oferta de internet por franquias. Ainda segundo as operadoras, essa possibilidade foi acertada com o governo quando o marco foi debatido e votado.

    Naquele momento, houve um acordo, o governo tentou romper, mas as teles cobraram posição da presidente Dilma, caso contrário obstruiriam a votação no Congresso.

    O acordo foi feito rapidamente porque Dilma queria a aprovação do marco para apresentá-lo no Encontro Global Multissetorial sobre o Futuro da Governança da Internet, evento que aconteceu no Brasil em abril de 2014.

    Fonte:http://www1.folha.uol.com.br/mercado...locidade.shtml
    Amante da natureza e de viagens.

    Em busca de conhecer pessoas e trocar informações.

    ^-^

  2. #2
    Nível 84: Homem de Aço Avatar de mmelo76
    Desde
    Feb 2016
    Localização
    Caieiras - SP
    Posts
    7.271
    Olha só nossa "Presidenta" (é nunca achei legal escrito assim, por isso as "aspas"), acho que ela está querendo ser "legalzinha" para ganhar o povo...mas sendo por isso ou não, espero que de alguma forma, nos favoreça...mas de modo justo. Não adianta aliviar agora e depois a proibição, taxas, etc voltarem com mais força.
    Galaxy Note 9 512GB + 128GB + Dex Station
    Dell XPS 18 Portable AIO 18.4 Multi-touch
    i3 | 12GB RAM | 480GB SSD - Windows 10 Pro
    Designer Bluetooth® Desktop
    É novo no Fórum? Seja Bem Vindo! e dê um Oi para Galera
    Apresente-se aqui! e Curtir posts ajuda aumentar seu nível no Fórum...

  3. #3
    Nível 56: Tenho uma moto Avatar de Patycruz
    Desde
    Jan 2016
    Localização
    Osasco - SP
    Posts
    1.688
    Citação Postado originalmente por mmelo76 Ver Post
    Olha só nossa "Presidenta" (é nunca achei legal escrito assim, por isso as "aspas"), acho que ela está querendo ser "legalzinha" para ganhar o povo...mas sendo por isso ou não, espero que de alguma forma, nos favoreça...mas de modo justo. Não adianta aliviar agora e depois a proibição, taxas, etc voltarem com mais força.
    Isso mesmo!! Se for pra nos benefeciar, que seja ad eternum!! hehehehehe...
    Amante da natureza e de viagens.

    Em busca de conhecer pessoas e trocar informações.

    ^-^

  4. #4
    Citação Postado originalmente por mmelo76 Ver Post
    Não adianta aliviar agora e depois a proibição, taxas, etc voltarem com mais força.
    Concordo plenamente, mas provavelmente é o que vai acontecer novamente, como sempre aconteceu.

    Lembram da época em que foi anunciado a descoberta do pré sal, onde o Brasil passaria a ser independente na produção do petróleo, o que garantiria o futuro da nação, mas as reservas foram vendidas a preço de banana?

    Então, nós é que teremos de lutar para melhorar o Brasil para ou esquecemos de tudo.


    Citação Postado originalmente por Patycruz Ver Post
    O pacote de bondades que a presidente Dilma Rousseff pretende apresentar à população antes da votação de abertura do impeachment pelo Senado, no dia 11 de maio, inclui o possível fim das franquias de internet.


    Ainda segundo apurou a reportagem, a ideia da presidente é, via decreto, proibir as operadoras de restringirem velocidade da internet fixa ou exigirem a contratação de uma franquia extra quando o cliente ultrapassar os limites de seu plano.
    Resumindo é simplesmente mais uma manobra da "presidenta" para se manter no cargo com o apoio da população.


    Citação Postado originalmente por Patycruz Ver Post
    Para as teles, o Marco Civil da Internet prevê a liberdade do modelo de negócio –o que inclui a oferta de internet por franquias. Ainda segundo as operadoras, essa possibilidade foi acertada com o governo quando o marco foi debatido e votado.


    Naquele momento, houve um acordo, o governo tentou romper, mas as teles cobraram posição da presidente Dilma, caso contrário obstruiriam a votação no Congresso.


    O acordo foi feito rapidamente porque Dilma queria a aprovação do marco para apresentá-lo no Encontro Global Multissetorial sobre o Futuro da Governança da Internet, evento que aconteceu no Brasil em abril de 2014.
    Portanto tudo é uma questão de politica, onde se não houvesse a chance de haver o impeachment, a "presidenta" nem se importaria com esta questão, antes ela se apressou para aprovação do Marco Civil da Internet para ser bem vista pelos outros paises, agora é isto.

    Chega de politicos que pensam só em si mesmos.

  5. #5
    Nível 38: 1ª conta para pagar Avatar de Matthew
    Desde
    Oct 2015
    Localização
    Campinas - SP
    Posts
    695
    Excelente, presidentA! Essas operadoras que criem vergonha na cara... haha!

  6. #6
    Nível 76: Laranja Mecânica Avatar de thiagomocci
    Desde
    Mar 2015
    Localização
    São Paulo/SP
    Posts
    5.901
    Que tal a presidente diminuir a carga tributária das empresas de telecom (de todas na verdade) e abrir o mercado sem corporatocracia ao invés de fingir se importar com o povo agora com algo que não compete a ela por decreto? Ah, Dilma, se liga. Dá até vergonha.

    Foi indicação de Lula, seu antecessor, o presidente da Anatel. É em seu governo que a Anatel cometeu graves violações aos direitos dos consumidores possibilitando a alteração contratual com apenas um aviso 30 dias antes. Vir agora dar um direito que já tínhamos para se aparecer é falta de vergonha na cara. A senhora não tem caráter.

Tags para este Tópico