Resultados 1 a 7 de 7
  1. #1

    Confira dez desenhos famosos dos anos 60 e 70 que receberam jogos

    Fonte: TechTudo
    Autor: Thomas Schulze


    Flintstones, Jetsons, Scooby Doo: Surf e Popeye. As décadas de 1960 e 1970 trouxeram algumas das animações mais marcantes da história, desenhos de alta qualidade que fazem sucesso até hoje. Com tanta fama, é claro que os videogames aproveitaram o embalo e lançaram vários jogos em cada geração de consoles. Conheça alguns dos mais marcantes:

    Pantera cor-de-rosa


    (Foto: Divulgação/Wanderlust Interactive)

    O versátil felino já fez de tudo um pouco: apareceu em jogos cheios de ação como Pinkadelic Pursuit (Game Boy Advance e PlayStation) e Pink Goes to Hollywood (Super Nintendo), mas também teve tempo para aventuras educativas, como o simpático Passport to Peril (PC). Nada mal para uma série animada que só estreou no distante ano de 1969.

    The Flintstones


    (Foto: Divulgação/Taito)

    A adorada família pré-histórica fez sua estreia na televisão em 1960, mas faz sucesso até os dias de hoje. As gerações 8 e 16 bits viram ótimos games sobre as aventuras de Fred e companhia: no NES, Mega Drive e SNES, a Taito lançou jogos de plataforma, os melhores da franquia, mas os Flintstones também se aventuram em minigames de boliche no primeiro PlayStation e corridas de “kart” no PlayStation 2.

    The Jetsons


    (Foto: Divulgação/Taito)

    Na esteira da fama dos Flintstones, a Hanna-Barbera criou outra família deslocada no tempo: em 1962 surgiram os Jetsons e sua visão otimista do futuro. Apesar de estrelarem menos jogos que os Flintstones, a família de George também recebeu ótimos games de plataforma para NES, Game Boy e Super Nintendo, todos pelas mãos da talentosa Taito.

    Scooby-Doo


    (Foto: Divulgação/Acclaim)

    A turma investigadora de fantasmas deu as caras em dezenas de séries animadas, mas a primeira delas, Scooby-Doo Where Are You?, foi ao ar de 1969 a 1970. Não faltam jogos inspirados em suas aventuras, mas os melhores são os adventures cheios de enigmas vistos em Scooby-Doo Mystery (Acclaim, para SNES e Mega Drive), Classic Creep Capers (THQ, Nintendo 64) e Night of 100 Frights (THQ, PlayStation 2 e GameCube).

    Família Addams


    (Foto: Divulgação/Sunsoft)

    Estale os dedos e cante a música tema, pois os Addams vêm aí. Entre filmes, séries e animações, a família mais macabra da televisão deixou um legado e tanto. É possível argumentar que o desenho de 1992 alcançou a maior popularidade, mas a série animada de 1973 também era excelente.
    Infelizmente, seus jogos não foram tão bons: a Ocean lançou adaptações duvidosas para NES e SNES, mas a Sunsoft produziu o pior de todos: Fester’s Quest, no Nintendinho. É tão ruim que dá medo.

    The Bugs Bunny Show


    (Foto: Divulgação/Sunsoft)

    Em 1960, a Warner lançou um clássico programa de antologia no qual Pernalonga apresentava os melhores desenhos dos Looney Tunes, elevando o coelho a novos níveis de popularidade. Apesar de aparecerem em várias gerações de consoles, é o Super Nintendo que tem a honra de abrigar os melhores jogos dos personagens da WB, lançando jóias como Rabbit Rampage, Taz-Mania, Road Runner, Daffy Duck the Marvin Missions e o clássico jogo de esportes Looney Tunes B-Ball, todos publicados pela Sunsoft.

    Homem-Aranha


    (Foto: Divulgação/Parker Brothers)

    O amigo da vizinhança protagonizou um desenho muito popular em 1967, e a obra ganhou relevância mesmo nos tempos modernos graças ao estouro do meme “Homem-Aranha dos anos 60”. Muito antes das tirinhas, a Parker Brothers lançou um divertido jogo de ação para Atari 2600 que colocava o cabeça de teia contra seu grande inimigo Duende Verde.

    Zé Colmeia


    (Foto: Divulgação/Cybersoft)

    Na telinha, Zé Colmeia traz alegria para crianças de todas as idades desde a estreia do Yogi Bear Show em 1961. Já nos videogames, o urso comilão não teve tanta sorte. Há jogos razoáveis de plataforma para Game Boy Color, mas os mais famosos são os fracos Cartoon Capers para Mega Drive e Adventures of Yogi Bear no Super Nintendo.

    Corrida Maluca


    (Foto: Divulgação/Infogrames)

    Apesar de o desenho original só ter recebido novos episódios entre 1968 e 69, os personagens foram marcantes a ponto de serem lembrados até hoje. Quem não conhece Penélope Charmosa ou lembra da risada do cão Mutley? A maior parte dos seus videogames são jogos de corrida, como Crash and Dash (Wii) e Mad Motors (PlayStation 2), mas a Atlus também lançou um ótimo jogo de plataforma para o NES.

    Popeye


    (Foto: Divulgação/Nintendo)

    O famoso marinheiro foi criado em 1929, mas é possível argumentar que sua popularidade se consolidou em 1960, com a estreia da animação Popeye the Sailor. Ao longo de 220 episódios, o desenho consolidou Popeye na cultura pop, e foi tão influente que o próprio Shigeru Miyamoto capitaneou o desenvolvimento do jogo para fliperamas da Nintendo lançado em 1983.


    Link: http://www.techtudo.com.br/listas/no...ram-jogos.html

    - - - Updated - - -

    Essa chuvinha aqui de SP aumentou a saudade desse clima nostalgia; tanto dos desenhos quanto dos jogos.

    Alguém jogava esses aí da lista acima? E de quais outros vocês sentem falta?

  2. #2
    Nível 54: Monitor (a) de acampamento Avatar de Maioba
    Desde
    Sep 2016
    Localização
    São Paulo/SP
    Posts
    1.105
    Que legal ainda não tive a oportunidade de jogar nenhum
    Você só se torna melhor que as outras pessoas quando doa um pouco de si para ajudar o próximo.

    Cah

  3. #3
    Nível 76: Laranja Mecânica Avatar de thiagomocci
    Desde
    Mar 2015
    Localização
    São Paulo/SP
    Posts
    6.108
    O jogo do Zé Coméia pra Super Nintendo eu tive. É um dos mais lindos gráficos da geração. Muito bem cuidado. Pena que a dificuldade, na época pela minha idade, foi absurdamente alta. Nunca passei da 4ª fase... Anos depois joguei em emulador e passei facinho. Mas também não zerei.

  4. #4
    Citação Postado originalmente por thiagomocci Ver Post
    O jogo do Zé Coméia pra Super Nintendo eu tive. É um dos mais lindos gráficos da geração. Muito bem cuidado. Pena que a dificuldade, na época pela minha idade, foi absurdamente alta. Nunca passei da 4ª fase... Anos depois joguei em emulador e passei facinho. Mas também não zerei.
    Da lista, eu lembro bem de Corrida Maluca (pro Playstation), que eu era viciado, e desse do Zé Colmeia.
    E me lembro da mesma coisa: como era difícil passar esse jogo. o.o

    Eu tinha certa dificuldade com alguns games do Super Nintendo, aliás.
    Ainda bem que você falou que era difícil, @thiagomocci. Tava achando que o problema era eu. hahaha

  5. #5
    Nível 84: Homem de Aço Avatar de mmelo76
    Desde
    Feb 2016
    Localização
    Caieiras - SP
    Posts
    7.448
    O Ducktales são mais recentes, mas tenho o jogo no Xbox também!
    Galaxy Note 9 512GB + 128GB + Dex Station
    Dell XPS 18 Portable AIO 18.4 Multi-touch
    i3 | 12GB RAM | 480GB SSD - Windows 10 Pro
    Designer Bluetooth® Desktop
    É novo no Fórum? Seja Bem Vindo! e dê um Oi para Galera
    Apresente-se aqui! e Curtir posts ajuda aumentar seu nível no Fórum...

  6. #6
    Citação Postado originalmente por thiagomocci Ver Post
    O jogo do Zé Coméia pra Super Nintendo eu tive. É um dos mais lindos gráficos da geração. Muito bem cuidado. Pena que a dificuldade, na época pela minha idade, foi absurdamente alta. Nunca passei da 4ª fase... Anos depois joguei em emulador e passei facinho. Mas também não zerei.
    @thiagomocci esse do Zé Colméia eu também tive e gostava muito! Realmente era meio difícil, mas era um dos meus preferidos.

    - - - Updated - - -

    Esse do Popeye eu não conheço mas o desenho é show! Acho que já assisti todos os episódios.
    Precisa de ajuda? Fale com os coordenadores do Fórum: @_bruna e @angelojunior

  7. #7
    Citação Postado originalmente por mmelo76 Ver Post
    O Ducktales são mais recentes, mas tenho o jogo no Xbox também!
    Bem lembrado, @mmelo76! Eu jogo esse no Wii U. Super simples, mas muito divertido. E não enjoa fácil!