Resultados 1 a 8 de 8
  1. #1

    50 coisas que só fazem sentido para quem cresceu nos anos 1990

    http://https://www.revistabula.com/1...nos-anos-1990/

    POR JÉSSICA CHIARELI


    Quem cresceu nos anos 1990 pode dizer que é um sobrevivente. As crianças e adolescentes da década presenciaram coisas que seriam no mínimo polêmicas nos tempos atuais: produtos à base de mercúrio aplicados em machucados, como o Mercurocromo e o Merthiolate; a terrível maldição do boneco Fofão, que fez dezenas de vítimas, conforme diz a lenda; pessoas seminuas na “Banheira do Gugu”, em pleno domingo à tarde na TV aberta; passar horas fazendo pesquisas escolares na Enciclopédia; e esperar até a madrugada para usar a internet. Para relembrar os bons e velhos tempos —, que pensando bem, talvez não fossem tão bons assim —, a Bula reuniu em uma lista coisas que só fazem sentido para quem cresceu nos anos 1990.

    1 — Responder cadernos de pergunta dos amigos.

    2 — Escutar músicas do É o Tchan sem se atentar ao duplo sentido das letras.

    3 — Recortar revistas para fazer colagens na capa de cadernos ou agendas.

    4 — Assistir vídeos musicais na MTV.

    5 — Achar Mamonas Assassinas a maior banda da história da música.

    6 — Colecionar ursinhos de pelúcia da Parmalat.

    7 — Rebobinar fitas VHS depois de assistir filmes no videocassete.

    8 — Ligar para o melhor amigo ou amiga do telefone de casa e ficar horas conversando.

    9 — Ter medo da chegada do ano 2000, quando seria o fim do mundo.

    10 — Usar o computador para brincar no Paint, jogar Campo Minado ou Paciência.

    11 — Esperar até de madrugada para poder usar a internet.

    12 — Assistir Castelo Rá-Tim-Bum, na TV Cultura.

    13 — Assoprar os cartuchos do videogame para eles funcionarem.

    14 — Ir ao fliperama.

    15 — Ter uma festa de aniversário com guaraná, bolo caseiro e balas de coco embrulhadas em papel colorido com franjas.

    16 — Assinar uniformes escolares de colegas no fim do ano e ter o seu assinado também.

    17 — Pintar o cabelo com papel crepom.

    18 — Brincar com os amigos na rua de casa.

    19 — Ter um Nintendinho.

    20 — Usar os perfumes Thaty e Ma Chérie, do Boticário, ou o desodorante Axe.

    21 — Fazer provas com cheiro de álcool na escola (copiadas no mimeógrafo).

    22 — Ser fã dos Backstreet Boys, New Kids on the Block ou Spice Girls.

    23 — Ouvir Raça Negra nas festas de família.

    24 — Trocar mensagens secretas em bilhetes com os amigos.

    25 — Reunir os amigos para brincar de Stop (Adedonha).

    26 — Ir à locadora e ficar imaginando o que há na seção/sala adulta.

    27 — Ficar feliz ao encontrar um filme novo na locadora, mas descobrir que ele já está alugado.

    28 — Colecionar Tazos.

    29 — Esquecer de alimentar o Tamagotchi e deixá-lo morrer.

    30 — Fazer trabalhos em papel almaço com capa do WordArt.

    31 — Saber se as fotos ficaram boas ou não só depois de revelar o filme.

    32 — Deixar o telefone fora do gancho quando não queria ser incomodado.

    33 — Rebobinar fitas k7 usando uma caneta.

    34 — Fazer pesquisas na enciclopédia Barsa.

    35 — Brigar para os irmãos desligarem o telefone e você poder usar a internet discada.

    36 — Ler a coleção “Os Karas, de Pedro Bandeira (“A Droga da Obediência”, “Pântano de Sangue”, “Anjo da Morte”, “A Droga do Amor” e “Droga de Americana!”).

    37 — Ter um minigame.

    38 — Colecionar brindes da Coca-cola.

    39 — Usar o lendário shampoo Neutrox.

    40 — Usar Mercurocromo e Merthiolate para curar machucados.

    41 — Ter um pôster ou outro objeto da dupla Sandy e Júnior.

    42 — Ter medo do boneco fofão (que diziam ser amaldiçoado).

    43 — Seguir o ritual ao comer chocolate Tortuguita: primeiro a cabeça, as patas, o rabo e só depois o resto do doce.

    44 — Usar sandálias Melissinha e Rider originais.

    45 — Colecionar cartões telefônicos ou papel de carta.

    46 — Ler revistas da Turma da Mônica.

    47 — Assistir “Esquadrão Relâmpago Changeman”, “Jaspion”, “Power Rangers” e “Xena, A Princesa Guerreira”.

    48 — Assistir o quadro “Banheira do Gugu”, do programa “Domingo Legal”, com a família sem nenhum constrangimento.

    49 — Ser bombardeado por anúncios de brinquedos e outros produtos para crianças entre os intervalos de programas infantis.

    50 — Ter ou desejar muito um boneco do personagem Baby, da Família Dinossauro.

  2. #2
    Me deu uma imensa saudade da minha infância nos anos 90.

    Mas lendo sua lista, percebi o quanto a década de 90 foi dedicada ao consumo... comprar, usar, descartar, comprar de novo, ter ou desejar rsrsrs

    Agora entendi um pouco da minha personalidade, obrigado.
    Você quer ganhar 2GB ao ativar o novo plano Vivo Easy? Basta inserir meu código abaixo.
    Código: QUERO2GIGA

  3. #3
    Citação Postado originalmente por Alessandro. Ver Post
    Me deu uma imensa saudade da minha infância nos anos 90.

    Mas lendo sua lista, percebi o quanto a década de 90 foi dedicada ao consumo... comprar, usar, descartar, comprar de novo, ter ou desejar rsrsrs

    Agora entendi um pouco da minha personalidade, obrigado.
    Ler essa matéria remete só boas lembranças, não é mesmo?

  4. #4
    Nível 39: O Sexto Sentido Avatar de guvga25
    Desde
    Sep 2018
    Localização
    Minas Gerais
    Posts
    1.598
    1 — Responder cadernos de pergunta dos amigos.
    Eu adorava e sempre dava altos close nas respostas.
    Quando a pergunta era quem você levaria para uma ilha deserta?
    Eu sempre respondia: "Johnny Depp", hoje em dia eu sei que ele é um embusteiro.

    2 — Escutar músicas do É o Tchan sem se atentar ao duplo sentido das letras.
    Eu ainda era bem criança quando requebrava ao som das musicas do É o Tchan e depois de adulto eu me pego pensando?
    "Como pode as pessoas colocarem essas musicas pra tocar em aniversário de criança"?
    Olha um trecho da musica da brincadeira da tomada:
    "Encaixa, encaixa, encaixa, remexe e agacha".
    Não era apenas obsceno era o kama sutra tropical!


    3 — Recortar revistas para fazer colagens na capa de cadernos ou agendas.
    FAzia horrores com as capas da Capricho e Atrevida kkkkk meus deus eu era uma criança viada.

    4— Assistir vídeos musicais na MTV.
    O último video que eu aguardei horas até lançarem foi o feat do século da Lady Gaga (atual rainha e propriéria na empresa "MUSICA POP", com Beyoncé: TELEPHONE.

    7 — Rebobinar fitas VHS depois de assistir filmes no videocassete.
    Tinha que rebobinar mesmo, se não rebobinasse a locadora entrava em contato xingando muito e cobrando multa por não ter rebobinado kkkkk

    8-8 — Ligar para o melhor amigo ou amiga do telefone de casa e ficar horas conversando.
    AMA-VA!
    Ficava hoooooooooooooras com meus amigos depois da escola batendo papo, rindo de coisa boba!
    Que tempo bom, que inocencia!

    10 — Usar o computador para brincar no Paint, jogar Campo Minado ou Paciência.
    Na maior parte do tempo era so isso mesmo, ja que a minha mãe so nos deixava usar a internet após as 20:00 quando era mais barato ou após as 00:00 nos FDS porque era "de graça".

    12 — Assistir Castelo Rá-Tim-Bum, na TV Cultura.
    Não apenas a esse programa, mas vários outros que eram muito gostosos e educativos.
    Adorava "Tudo o que é sólido pode derreter", "Mundo da leitura", entre outros.
    Adorava.

    13 — Assoprar os cartuchos do videogame para eles funcionarem.
    Além de ser um mantra tinha alguma coisa mistica envolvida nisso porque voltava a funcionar MESMO.]

    15 — Ter uma festa de aniversário com guaraná, bolo caseiro e balas de coco embrulhadas em papel colorido com franjas.
    Era close, só fazia festa assim quem tinha condições anos 90/2000 no inicio era altissima a inflação.

    16 — Assinar uniformes escolares de colegas no fim do ano e ter o seu assinado também.
    Sim

    19 — Ter um Nintendinho.
    Era a alegria da criançada, todo mundo reunido jogando um bom video game!


    23 — Ouvir Raça Negra nas festas de família.
    2019, nada mudou.

    26 — Ir à locadora e ficar imaginando o que há na seção/sala adulta.
    Não minha locadora preferida nem precisa ficar só imaginando, só de tirar uma capa dava pra ver a sessão e tudo o que tinha la... não é a toa que era minha locadora favorita rsrsrsrrs

    29 — Esquecer de alimentar o Tamagotchi e deixá-lo morrer.
    Tive vários, inclusive nem sabia mexer naquilo direito só tinha porque era close.

    33 — Rebobinar fitas k7 usando uma caneta.
    Essa eu não sabia


    37 — Ter um minigame.
    Não descarregava e dava pra levar pra qualquer lugar!

    41 — Ter um pôster ou outro objeto da dupla Sandy e Júnior

    Eu felizmente, cortei a cara da Sandy e coloquei o meu rosto pra fazer par com o Junior meu eterno crush <3

    42 — Ter medo do boneco fofão (que diziam ser amaldiçoado).
    Diziam que tinha uma faca dentro do boneco kkkkk

    43 — Seguir o ritual ao comer chocolate Tortuguita: primeiro a cabeça, as patas, o rabo e só depois o resto do doce.
    Eu era uma criança obesa e desesperada então eu socava tudo na boca nao sabia nem o gosto que tinha.

    44 — Usar sandálias Melissinha e Rider originais.
    Era close
    Funcionário VIVO

    *Opiniões e informações expressas neste perfil não expressam as opiniões oficiais da empresa.

  5. #5
    Nível 3: Operação Big Hero Avatar de RayVegana
    Desde
    Jul 2019
    Localização
    Maceio / AL
    Posts
    9
    Maravilhoso, simplesmente nostálgico

  6. #6
    Fiz algumas dessas coisas mesmo que min infância tenha sido em maioria nos anos 2000 hahahaha
    Utilize o código FREEWPP30 para ganhar 30 dias para uso do WhatsApp sem descontar da franquia de dados(exceto chamadas no app) na adesão ao Vivo Easy, um plano muito completo, com muito a te oferecer!

  7. #7
    Nível 87: A Vida É Bela Avatar de GJonas
    Desde
    Jan 2016
    Localização
    Serra - ES
    Posts
    6.736
    Tem um canal no YouTube chamado Canal 90 que é o máximo. Nostalgia pura.
    Esperando boas notícias.

  8. #8
    1 — Responder cadernos de pergunta dos amigos.

    Clássico

    2 — Escutar músicas do É o Tchan sem se atentar ao duplo sentido das letras.
    Tinham muitas outras músicas, com sentidos muito mais sacanas, mas ninguém se importava.

    3 — Recortar revistas para fazer colagens na capa de cadernos ou agendas.
    Na época as revistas eram caras e algumas só chegavam via correios.

    4 — Assistir vídeos musicais na MTV.
    a minha tv pegava do 2 ao 13 e a mtv em porto alegre era no canal 24

    5 — Achar Mamonas Assassinas a maior banda da história da música.
    eu também

    6 — Colecionar ursinhos de pelúcia da Parmalat.
    eu vivi a época mas os ursinhos eram muito caros, aí eu só via a propaganda na tv

    7 — Rebobinar fitas VHS depois de assistir filmes no videocassete.
    eu não tinha videocassete, mas rebobinava fita k7 com bic.

    8 — Ligar para o melhor amigo ou amiga do telefone de casa e ficar horas conversando.
    na época dos 6 dígitos. meu telefone era 22 34 xx

    9 — Ter medo da chegada do ano 2000, quando seria o fim do mundo.
    todos aguardaram ansiosamente e riram depois.

    10 — Usar o computador para brincar no Paint, jogar Campo Minado ou Paciência.
    eu não tinha computador, nem acesso a computadores, aí em 2015 descobri máquinas virtuais (qemu, dosbox) em que pude rodar as versões do paint de 1988 e salvar arquivos .msp que não podem ser abertos hoje em dia, antes dos anos 90.

    11 — Esperar até de madrugada para poder usar a internet.
    já errei e abri as 23:59, por vários dias, causando uma conta enorme. Levava horas pra baixar arquivos de poucos mb.

    12 — Assistir Castelo Rá-Tim-Bum, na TV Cultura.
    até hoje tenho no pc as músicas de tais programas, e tenho um canal no youtube com trechos de vídeo.

    13 — Assoprar os cartuchos do videogame para eles funcionarem.
    nunca tive um videogame.

    14 — Ir ao fliperama.
    nunca fui sociável pra ir num fliperama, só depois dos anos 2000

    15 — Ter uma festa de aniversário com guaraná, bolo caseiro e balas de coco embrulhadas em papel colorido com franjas.
    bolo é vida. entendedores entenderão.

    16 — Assinar uniformes escolares de colegas no fim do ano e ter o seu assinado também.
    clássico. mas eu só usava uniforme, o tempo todo.

    17 — Pintar o cabelo com papel crepom.
    nunca pintei =/

    18 — Brincar com os amigos na rua de casa.
    clássico

    19 — Ter um Nintendinho.
    nunca tive

    20 — Usar os perfumes Thaty e Ma Chérie, do Boticário, ou o desodorante Axe.
    axe

    21 — Fazer provas com cheiro de álcool na escola (copiadas no mimeógrafo).
    lembrando do povo que trabalhava no mimeógrafo e se sentiam drogadas depois de tirar 500 cópias de provas.

    22 — Ser fã dos Backstreet Boys, New Kids on the Block ou Spice Girls.
    nunca ouvi falar. sou mais howtobasic.

    23 — Ouvir Raça Negra nas festas de família.
    .. pra que fugir ó minha flor se o nosso amor tá dando certo...

    24 — Trocar mensagens secretas em bilhetes com os amigos.
    papel...

    25 — Reunir os amigos para brincar de Stop (Adedonha).
    clássico...

    26 — Ir à locadora e ficar imaginando o que há na seção/sala adulta.
    ou não. [lá em cima falei que não tinha videocassete, portanto, locadora era algo inútil]

    27 — Ficar feliz ao encontrar um filme novo na locadora, mas descobrir que ele já está alugado.
    filme era na tv, e com chiado.
    hoje em dia que o povo não tem chiado na tv.. nem no rádio, o povo vai pra internet buscar lo fi hip hop pra ouvir chiado.

    28 — Colecionar Tazos.
    tazos!

    29 — Esquecer de alimentar o Tamagotchi e deixá-lo morrer.
    nunca tive um.

    30 — Fazer trabalhos em papel almaço com capa do WordArt.
    e usar a função "resumir" do word 97, que não existe mais.

    31 — Saber se as fotos ficaram boas ou não só depois de revelar o filme.
    poucas fotos na década de 90
    [felizmente]

    32 — Deixar o telefone fora do gancho quando não queria ser incomodado.
    e sem gravações de número ocupado.

    33 — Rebobinar fitas k7 usando uma caneta.
    did you mean "BIC"?

    34 — Fazer pesquisas na enciclopédia Barsa.
    em papel, com vários volumes. saudade do thesouro da juventude de 1932.

    35 — Brigar para os irmãos desligarem o telefone e você poder usar a internet discada.
    nunca tive irmãos =/

    36 — Ler a coleção “Os Karas, de Pedro Bandeira (“A Droga da Obediência”, “Pântano de Sangue”, “Anjo da Morte”, “A Droga do Amor” e “Droga de Americana!”).
    nunca li

    37 — Ter um minigame.
    e invejar que tinham outros modelos com mais jogos.. tudo com duas pilhas comuns.

    38 — Colecionar brindes da Coca-cola.
    e os io-ios... até da fanta.

    39 — Usar o lendário shampoo Neutrox.

    40 — Usar Mercurocromo e Merthiolate para curar machucados.
    na época que não tinha anestesia.

    41 — Ter um pôster ou outro objeto da dupla Sandy e Júnior.
    nunca tive.

    42 — Ter medo do boneco fofão (que diziam ser amaldiçoado).
    hahahahaa

    43 — Seguir o ritual ao comer chocolate Tortuguita: primeiro a cabeça, as patas, o rabo e só depois o resto do doce.
    e comprar barras de chocolate com 250g

    44 — Usar sandálias Melissinha e Rider originais.
    nunca ouvi falar aqui no rs

    45 — Colecionar cartões telefônicos ou papel de carta.
    isso é dos anos 2000 na minha época eram fichas

    46 — Ler revistas da Turma da Mônica.
    usadas, de 5 anos atrás, numa escola pública.

    47 — Assistir “Esquadrão Relâmpago Changeman”, “Jaspion”, “Power Rangers” e “Xena, A Princesa Guerreira”.
    tudo no sbt.

    48 — Assistir o quadro “Banheira do Gugu”, do programa “Domingo Legal”, com a família sem nenhum constrangimento.
    eu pensava, coitadas daquelas gurias, não tinham dinheiro pra comprar roupa (lembrando do chaves)

    49 — Ser bombardeado por anúncios de brinquedos e outros produtos para crianças entre os intervalos de programas infantis.
    eu não via a maioria deles

    50 — Ter ou desejar muito um boneco do personagem Baby, da Família Dinossauro.
    você não é minha mãe.
    Código de Convite Vivo Easy: EASY1