Só os "mortos" tem valores! huehue