PDA

Ver Versão Completa : Pesquisa revela 'luta de classes' por programas dublados e legendados



Josemsud
12-02-16, 03:49 PM
http://2.bp.blogspot.com/-AUumTiNj09w/VUFRu_E7nEI/AAAAAAAAEpE/2SOQikhSng0/s1600/04.jpg

Uma pesquisa feita pelo Ibope para a PTS, empresa que monitora o mercado de televisão por assinatura, revela uma espécie de luta de classes em torno da programação da TV paga. A preferência por programas dublados e legendados divide os telespectadores em dois grupos: pobres e ricos. A pesquisa explica porque muitas programadoras, como HBO e Telecine, têm versões de canais somente com conteúdo dublado. Explica também porque as programadoras são bombardeadas quando exibem programas sem áudio original ou desabam no Ibope quando optam por não dublar séries e filmes.

De acordo com a pesquisa, a classe A, a mais rica, prefere programas legendados (46%). Já na classe C, a emergente, somente 14% apreciam legendas; a grande maioria (64%) quer mesmo é ver programa dublado em português.

Com o crescimento do poder aquisitivo nos últimos anos, a TV por assinatura cresceu principalmente na classe C. Hoje, ela é maioria. Na média geral, 58% dos que pagam para ver televisão preferem programas dublados. Só 20% fazem questão de ver programas com legendas em áudio original (quase sempre, em inglês). Na outra extremidade, 10% dos assinantes afirmam que só veem conteúdo brasileiro _esse percentual é levemente maior (12%) na classe C.

A classe B, geralmente formada por pessoas que eram da classe C e enriqueceram, é fiel às origens, revela também a pesquisa: 56% preferem conteúdo dublado.

O Ibope ouviu 8.482 assinantes de todo o país.


Original: http://noticiasdatv.uol.com.br/noticia/mercado/pesquisa-escancara-luta-de-classes-por-legendas-na-tv-paga-10442#ixzz3zyrIjpY2
Follow us: danielkastro on Twitter | noticiasdatvoficial on Facebook

Juvenil-Wille
12-02-16, 05:13 PM
De acordo com a pesquisa, a classe A, a mais rica, prefere programas legendados (46%). Já na classe C, a emergente, somente 14% apreciam legendas; a grande maioria (64%) quer mesmo é ver programa dublado em português.

Com o crescimento do poder aquisitivo nos últimos anos, a TV por assinatura cresceu principalmente na classe C. Hoje, ela é maioria. Na média geral, 58% dos que pagam para ver televisão preferem programas dublados. Só 20% fazem questão de ver programas com legendas em áudio original (quase sempre, em inglês). Na outra extremidade, 10% dos assinantes afirmam que só veem conteúdo brasileiro _esse percentual é levemente maior (12%) na classe C.

A classe B, geralmente formada por pessoas que eram da classe C e enriqueceram, é fiel às origens, revela também a pesquisa: 56% preferem conteúdo dublado.

O Ibope ouviu 8.482 assinantes de todo o país.

Original: http://noticiasdatv.uol.com.br/noticia/mercado/pesquisa-escancara-luta-de-classes-por-legendas-na-tv-paga-10442#ixzz3zyrIjpY2
Follow us: @daniel (https://forum.vivo.com.br/member.php?u=3160)kastro on Twitter | noticiasdatvoficial on Facebook


É interessante assistir o filme dublado e lendo as legendas, diversas vezes aparece um texto e a dublagem fala outra coisa.

Josemsud
12-02-16, 09:04 PM
É interessante assistir o filme dublado e lendo as legendas, diversas vezes aparece um texto e a dublagem fala outra coisa.

Não só nesse aspecto amigo até em legenda já vi erro, tem filmes que é notório a frase ou palavra que um ator ou atriz diz e na legenda aparece outra totalmente diferente.

GJonas
12-02-16, 09:07 PM
Adorei esse "eu sei fazer miojo" kkkkkkk.

Juvenil-Wille
12-02-16, 10:35 PM
Não só nesse aspecto amigo até em legenda já vi erro, tem filmes que é notório a frase ou palavra que um ator ou atriz diz e na legenda aparece outra totalmente diferente.

O primeiro filme que assisti assim foi "Um vampiro no Brooklin" era engraçado ler uma coisa e escutar outra!
Foi na época da fita.

andersonmleite
13-02-16, 10:25 PM
Na minha opinião deve estar disponível ambos os métodos, afinal acredito que não custa nada disponibilizar dual áudio e legendas. As programadoras e operadoras tem que atender todas as classes.