PDA

Ver Versão Completa : Tecnologia brasileira revela novos aditivos naturais para alimentos



alinevalbuquerque
21-05-18, 08:53 AM
Galera, toda forma de termos uma alimentação mais saudável (e menos artificial) nos dias de hoje, são válidas, por isso, compartilho. Espero que gostem

Corantes derivados de frutas tropicais desenvolvidos pela Embrapa podem substituir substâncias artificiais ainda usadas pela indústria


Não há dúvidas de que alimentos coloridos são mais atraentes e estimulam o paladar. O problema é quando substâncias sintéticas são adicionadas para ressaltar aquele vermelho ou laranja que abrem o apetite, privilegiando mais a aparência do que a nutrição. A pressão dos consumidores por opções alimentares mais saudáveis está obrigando a indústria a buscar alternativas aos aditivos químicos. A ciência pode ajudar. Depois de cinco anos de investigação, a Embrapa – Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária conseguiu desenvolver novas opções de corantes naturais a partir de frutas tropicais.

A partir do processamento de cascas desidratadas e trituradas de jabuticaba, jambo e jamelão, os pesquisadores obtiveram um composto em pó rico em antocianinas, que são pigmentos solúveis em água e com tonalidades que vão do vermelho ao azul. São eles que dão a coloração característica a diversas flores e frutas, como a berinjela e o hibisco. Mas além de atuarem como corantes naturais, podem compor suplementos alimentares e funcionais, pois oferecem diversos benefícios à saúde: ajudam a combater inflamações, evitam os danos causados por excesso de radicais livres no organismo e têm propriedades antivirais e anticancerígenas. O próximo passo dos especialistas agora é avançar nos estudos de produção em escala e validação industrial para que o produto chegue ao mercado, inclusive a custos bem mais acessíveis do que similares importados.

Atualmente os fabricantes de produtos alimentícios trabalham com três tipos de corantes: naturais (extraídos de substâncias vegetais ou animais), caramelo (obtido a partir de açúcares) e artificiais (elaborados por processo de síntese com composição química). As tonalidades mais comuns dos corantes naturais são derivadas da cúrcuma (amarelo), urucum (vermelho), antocianinas (roxo) e clorofila (verde). A regulamentação é controlada pela Anvisa – Agência Nacional de Vigilância Sanitária, que desde 2016 determinou que todos os rótulos de alimentos que tipicamente contêm corantes – como gelatinas, sorvetes, iogurtes e refrigerantes – tragam um alerta sobre a presença de aditivos com risco de alergias.

Fonte: https://dialogando.com.br/tecnologia-brasileira-revela-novos-aditivos-naturais-para-alimentos/

neilsonf7
21-05-18, 12:19 PM
Isso é algo incrivel,
Se os corantes forem substituidos por esses naturais arrisco a dizer que a expectativa de vida, vai aumemtar e.as filas nos hospitais tbm...
Só que atualmente quando o assunto é pesquisa, fico inves de
1, com 2 pes atras. Por conta desses loucos cientista e laboratorio visando o dinheiro ficam "criando formulas" engando geral. Estamos em um momento que até remedio é "farinha". Eu fiz essa pesquisa, a um tempo atras abria a capsula e joguei na agua, era muito margoso e nem dava pra toma, esses dias estava gripado abrir e tomei de boa quase não senti margoso.... ou seria meu palada que mudou? :rolleyes:

alinevalbuquerque
21-05-18, 03:57 PM
neilsonf7

Eu gostaria apenas que as indústrias químicas, farmacêuticas e alimentícias tivessem mais comprometimento com a cura e com alimentação saudável (cada qual no seu quadrado).

neilsonf7
25-05-18, 05:55 PM
Up p/ pessoas se informarem.

alinevalbuquerque
26-05-18, 01:28 PM
neilsonf7

Obrigada.

Eu tenho procurado cada vez mais alimentos saudáveis e está cada vez mais difícil de encontrá-los.

Vc sabia que quanto maior a fruta (considerando o seu tamanho original), mais agrotóxico levou?

Robertinha
26-05-18, 02:10 PM
Gente eu quando criança descobrir que o corante me dava alergia (eu ficava inchada com calombos terríveis :mad:) tomei muito remédio para alergia e virei uma BOLA kkkkkkkkk . Depois de adulta não sinto muito alergia, dificilmente .
Eu assistir no FANTASTICO uma reportagem que falava sobre "ALERGIA". Abordava o seguinte... "se uma pessoa ficasse exposta ao que causaalergia, ela pegaria resistência da mesma não sofrendo com esse mal " mais ou menos aquela ideia de ficar exposto nos ambientes ,,,

neilsonf7
26-05-18, 03:28 PM
Assim sinceramente não sabia, logo de cara assim (Agora tenho um motivo). Kkkkkkk
Eu sempre escolhi os alimentos pequeno/medio porte e inclusive também não gosto de comer, quando é grande (Salvo quando não tem outra alternativa).
:)
A melhor alternativa e o seu bolso agradece é
Você reservar uma ortinha em casa.
Você cuida do mundo, cuida da sua vida, faz exercicio, tem uma vida mais saudavel, faz invejinha nas pessoas e o seu bolso agradece.

- - - Updated - - -



Gente eu quando criança descobrir que o corante me dava alergia (eu ficava inchada com calombos terríveis :mad:) tomei muito remédio para alergia e virei uma BOLA kkkkkkkkk . Depois de adulta não sinto muito alergia, dificilmente .
Eu assistir no FANTASTICO uma reportagem que falava sobre "ALERGIA". Abordava o seguinte... "se uma pessoa ficasse exposta ao que causaalergia, ela pegaria resistência da mesma não sofrendo com esse mal " mais ou menos aquela ideia de ficar exposto nos ambientes ,,,

Kkkkkkk nossa,
Ainda bem que se curou,
Tudo tem corante, imagina a cena. Kkká
Pior são os amigos que empurra as coisas e pah......
Isso é igual a alergia a leite.

Eu nunca tive alergia com nada, so uma vez quando criança meus pais compraram leite desnatado, nunca.tinha tomado.... quando tomei fiquei me coçando inteiro, principalmente no peito... foda,
E recete, dps de grande. Meu corpo coçava demais, assim do nada.
E ate o momento nunca ocorreu mais,
Acho que é pq tive mudança de comportamento,
Parei de pratica exercicio... kkk

alinevalbuquerque
26-05-18, 04:10 PM
Robertinha

Depois de "burra velha". desenvolvi rinite alérgica, também engordei MUITO tomando remédios para alergia. Só que no meu caso foi apenas gasto de dinheiro, porque a cura, ainda não encontrei.

Já pararam para refletir o tanto de pessoas que têm intolerância à Lactose (isso antigamente não existia). Será que é a ração com milho geneticamente modificado que os gados comem?

Alessandro.
26-05-18, 04:39 PM
@<a href="https://forum.vivo.com.br/member.php?u=67378" target="_blank">Robertinha</a>

Depois de "burra velha". desenvolvi rinite alérgica, também engordei MUITO tomando remédios para alergia. Só que no meu caso foi apenas gasto de dinheiro, porque a cura, ainda não encontrei.

Já pararam para refletir o tanto de pessoas que têm intolerância à Lactose (isso antigamente não existia). Será que é a ração com milho geneticamente modificado que os gados comem?

Sobre a questão da intolerância à lactose, tem a ver principalmente com a evolução do homem (mamífero) e a mudança de hábitos...


https://www.youtube.com/watch?v=I6QdnomElZ0

alinevalbuquerque
27-05-18, 10:30 AM
Alessandro.

Obrigada por compartilhar o vídeo. Gosto muito do Drauzio Varella.

Não sabia que a Lactose era carboidrato. Gostei também de saber da diferença entre alergia ao leite e intolerância à lactose.


Mas, há uma outra corrente de pesquisas, que acredita que a recém surgida intolerância à lactose é decorrente das vacas se alimentarem de alimentos geneticamente modificados. O adulto sempre tomou leite e a intolerância à lactose é algo recente, que muitos bebês já nascem com elas. Acho que é nessa linha que a outra corrente de pesquisa segue...... Enfim, espero que descubram logo um meio de não prejudicar o consumidor.