PDA

Ver Versão Completa : Celulares sem certificação podem perder acesso à Play Store



mmelo76
29-03-18, 03:48 PM
Nova política do Google mira em fabricantes de celulares piratas, mas afeta também usuários de ROMs Android customizadas.

https://i2.wp.com/pdabr.com.br/wp-content/uploads/2018/03/cel.jpg?w=660&ssl=1

O Google começou a bloquear a Google Play para celulares sem certificação da empresa. A proibição vale para os Google Apps, o pacote de aplicativos da gigante das buscas, que inclui Gmail, Maps e a própria loja oficial do Android. A restrição é resultado de uma política mais seletiva da companhia com fabricantes de smartphones que não seguem os padrões de desenvolvimento do software. A medida tende a afetar, principalmente, celulares de marcas desconhecidas, clones e modelos piratas. Além disso, resvala em smartphones com ROMs customizadas.

Apesar do Android ser um sistema de código aberto, o Google sempre exigiu o cumprimento de padrões de desenvolvimento para aparelhos que rodam o software. A cada nova versão do sistema lançada por algum fabricante (referidas como builds), a empresa ordena o cumprimento de testes de compatibilidade para liberar o acesso aos Google Apps. Grandes fabricantes como Samsung, LG, Motorola, Sony e Xiaomi submetem seus produtos pela certificação.

Até então, porém, o controle sobre o processo de licenciamento era menos restrito. Mesmo sem a certificação do Google, celulares e tablets de origem pouco conhecida poderiam ter acesso livre à Google Play sem seguir à risca os padrões de desenvolvimento. A mudança de postura do Google acompanha uma tendência crescente da empresa de preocupação com a segurança do Android, que é alvo recorrente de vulnerabilidades.

Segundo o XDA Developers, uma fonte ligada à indústria afirma que a política mais restrita do Google com fabricantes de smartphone vem desde o ano passado. A companhia teria alertado com antecedência sobre as mudanças. O processo de bloqueio automático de todos os aparelhos não certificados teria sido iniciado no último dia 16 de março. Os celulares bloqueados passam a exibir um alerta em tela cheia avisando sobre a restrição.

Até mesmo versões customizadas famosas do Android, como o LineageOS (antiga CyanogenMod), podem ativar o bloqueio da Google Play no celular. Nesse caso, o Google oferece uma maneira de desativar a restrição, desde que o usuário saiba manusear o comando ADB no computador. Para obter a licença em um celular genuíno com uma ROM customizada instalada, é preciso obter o Android ID do aparelho via ADB e enviar a informação na página google.com/android/uncertified.

Via XDA Developers (https://www.xda-developers.com/google-blocks-gapps-uncertified-devices-custom-rom-whitelist/); TechTudo (https://www.techtudo.com.br/noticias/2018/03/celulares-sem-certificacao-podem-perder-acesso-a-play-store-entenda.ghtml) e PDABR (https://pdabr.com.br/celulares-sem-certificacao-podem-perder-acesso-a-play-store/)

shadows
04-04-18, 01:01 PM
treta

alinevalbuquerque
08-04-18, 06:30 PM
Acho justo

thiagomocci
08-04-18, 06:49 PM
Bem, eu discordo da posição da Google mas, ela tem sua razão e pode assim fazer.

Só acho que isso distancia cada vez mais a empresa de ter controle da situação. Ok, ela abandona esses aparelhos e simplesmente alguém vai lá e faz outra loja, como já existem várias. O que ela pode tirar mais? As apis próprias? Desculpe mas... A Microsoft tá de olho nisso. Um monte de app grande ta começando a diminuir sua dependência nos serviços Google internamente e usando módulos da Microsoft. Tem app que, se você usar em aparelhos sem Google Maps, usa uma versão já dentro do app do Here.

A Google não se decide e fica fazendo picuinha com os desenvolvedores, até alguém dar um pé na bunda neles. O dia que a Microsoft perceber que não dá pra vencer o Android com Windows, tenta vencer o Android com o próprio Android. A MS já faz testes disso.